Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SE A INÊS SABE DISTO!

Há ideias geniais!

 

ikea-cook-this-page-designboom-01.gif

ikea-cook-this-page-designboom-05.jpg

gallery-1497623798-index-ikea-cooking-instructionsPelo menos até onde sei esta novidade ainda não chegou às lojas do Ikea em Portugal. Pelo menos procurei e não encontrei. Mas se estiver enganada avisem-me por favor que eu vou a correr comprar!

Para quem sempre quis fazer brilharetes na cozinha mas o jeito para os tachos não é lá grande coisa, o IKEA decidiu dar uma mãozinha e criou a campanha “Cook This Page”. No fundo trata-se de receitas impressas, em papel pergaminho e com tinta comestível, com imagens dos ingredientes. Os candidatos a chefs de cozinha terão apenas de preencher os espaços em branco com o alimento ou ingrediente que a imagem sugere.  Depois, é embrulhar tudo muito bem na folha de pergaminho, levar ao forno e...voilá! Um prato delicioso que vai certamente surpreender e permitir uma ementa mais variada no dia-a-dia. 

cook-this-page-2.jpg

cook-this-page-8.jpg

ikea-cook-this-page-designboom-02.jpg

O Cook this Page nasceu da parceria entre a empresa sueca e a empresa de marketing Leo Brunett. O objectivo é tão simples quanto facilitar o dia-a-dia das pessoas. O engenhoso conjunto de receitas ilustradas foi apresentado em Toronto mas já chegou a algumas lojas IKEA. 

 

 

Para os viciados na marmita!

 

4.png

 

Digam o que disserem, isto de levar marmitas para o trabalho é muito giro, económico e saudável mas nem sempre há coragem, paciência e sobretudo... tempo para prepará-las! Principalmente se pretendermos que a ementa seja variada e saudável. Por motivos de logística e horários imprevisíveis, nunca tive grande possibilidade de optar por esta estratégia. Felizmente hoje em dia consigo fazer a maioria das refeições em casa. Mas tenho pelo menos duas amigas cujo apego à marmita é tal que acabaram por descobrir recentemente uma marca "A Marmita" que é o sonho de qualquer marmiteiro preguiçoso ou com falta de tempo. No site apresentam-se com um texto que nos transporta para memórias dos sabores de outrora.

Passo a citar: "A Marmita leva-te de volta. De volta à escola. À cantina. Ao peixe com brócolos e ao hambúrguer com batatas fritas. Às mesas corridas de madeira. Às piadas à hora da refeição. À universidade. Aos colegas de carteira. Ao primeiro emprego. Aos conselhos da mãe. Às refeições à grande e à portuguesa. Aos mimos dos avós. Ao almoço preparado em casa. Aos tempos à antiga. Ao “quentes e boas”. Ao cheiro do forno a lenha. Às refeições à homem. Leva-te de volta e a escolher bem, a comer melhor e a pagar menos."

E isto diz tudo!

Demoramos pouco mais de cinco minutos para realizar a encomenda das refeições no site. É tudo muito prático, intuitivo e simples.Com uma ementa variada de segunda a sexta, cada refeição não chega aos 4 euros. Um preço bastante compensador tendo em conta a qualidade,quantidade e o sabor de cada refeição. Pelo menos é o que dizem as minhas "marmita addicted friends".Não me vou alongar mais em descrições sobre o serviço porque "A Marmita" fez muito bem o trabalho de casa e o site não podia estar mais completo e fácil de explorar. Dêem uma espreitadela aqui e digam-me o que acharam. Entretanto deixo-vos com as fotos de algumas marmitas que poderão encomendar neste site. A distribuição das refeições está, para já, limitada a Lisboa e áreas limítrofes. Para saber se a vossa morada está abrangida na área de distribuição, basta digitar o código-postal no site e ficam logo a saber! Ah...para os geograficamente afortunados, não deixem de experimentar a marmita tailandesa. Contaram-me que é uma verdadeira delícia. Bom sábado!

 

2.jpg

3.png

4.png

6.png

7.png

8.jpg

 

 

Digam lá se não é tentador...

ImageServer.jpg

 

Não exactamente pela Coca-Cola (porque essa está quase sempre à mão de semear), mas porque não resisto à combinação das palavras "evento gastronómico"! Soa-me a festa, a convívio e à irresistível e seguramente deliciosa viagem pelos sabores da nossa gastronomia. Como tal, não podia perder a 2ª edição do "Adoramos a nossa gastronomia com Coca-Cola". Trata-se de uma iniciativa com o selo da famosa bebida, que decidiu aliar-se à boa mesa promovendo e premiando a nossa gastronomia. E olhem que boa ideia...Tudo começou em Abril, quando cerca de 1200 restaurantes, de Norte a Sul de Portugal, decidiram participar neste concurso em que o único desafio era que cada espaço apresentasse a sua versão dos pratos típicos de cada região. Os chefs puseram mãos à obra e os finalistas foram escolhidos pelo público e avaliados pelo Chef Tiago Bonito.  Neste evento, que decorre na Sala Tejo do Meo Arena, nos dias 9, 10 e 11 de Setembro, são eles que farão as honras da casa! Sendo assim, todos os visitantes terão a possibilidade de saborear 12 dos pratos mais típicos de Portugal e, provavelmente, confeccionados pelas mãos de quem melhor os sabe preparar. A cada visitante será oferecido um copo da Coca-Cola e uma bebida refrescante. Haverá ainda espaço para outras actividades como showcookings promovidos pelo Chef Tiago Bonito. E como uma boa festa não se faz sem música, não faltarão espetáculos de música portuguesa. Fiquem com o programa das festas:

Horários:

Dia 09, sexta-feira: das 19h às 23h
Dia 10, sábado: das 12h às 16h e das 19h às 23h
Dia 11, domingo: das 12h às 16h

 

Oferta gastronómica:

Minho Norte: Rojões à moda do Minho
Minho Sul: Arroz de Pato
Grande Porto: Francesinha
Litoral Norte: Caldeirada
Interior Norte: Bacalhau à Lagareiro
Centro: Migas com carne
Grande Lisboa: Bacalhau à Brás
Litoral Sul do Tejo: Arroz de Tamboril
Interior Sul do Tejo: Sopa de Cação
Algarve: Choquinhos à Algarvia
Madeira: Bife de Atum
Açores: Alcatra à moda dos Açores

 

Animação

SEXTA, 9
19H00 - MÚSICA AMBIENTE
19H30 - ENTERNAINER
20H00 - BANDA BACO
21H30 - KATIA GUERREIRO

SÁBADO, 10
12H00 - MÚSICA AMBIENTE
13H00 - ENTERTAINER
13H30 - CABRA CEGA
15H15 - TRIGO ROXO
16H00/19H00 - INTERVALO
19H30 - DIOGO PIÇARRA
21H45 - PAULO GONZO

DOMINGO, 11
12H00 - MÚSICA AMBIENTE
13H00 - ENTERTAINER
13H30 -BANDA RED (COVERS PORTUGUESES)
15H00 - JOÃO PEDRO PAIS

Finalmente jantei bem num festival!

Dificilmente saíremos de um festival de música com boas recordações gastronómicas na bagagem. Dentro dos recintos as opções são poucas, a qualidade é fraca e o preço demasiado alto. Arranja-se o pretexto de que os festivaleiros preferem cachorros e pizzas. E isso talvez não esteja tão longe assim da realidade. Mas quem arrisca...petisca! Literalmente! Este ano o NOS Primavera Sound, por exemplo, destacou-se por um investimento bastante forte na área da restauração. E até onde sei, o balanço foi bastante positivo. Não faltaram cachorros e pizzas mas também comida biológica, vegan, sushi, francesinhas, leitão e outros petiscos.

Por cá, na Ericeira, nem tudo foi péssimo neste sector. Apesar da minha estreia no recinto do Sumol Summer Fest ter ficado marcada por um cachorro que mais vale nem recordar, acabei por ser salva pela Merenda Portuguesa. Já tinha ouvido falar desta marca mas nunca tinha estado frente a frente com este encanto de roulotte gastronómica. Aqui há farinheira com ovos e feijão verde, bifanas com molho de cerveja e mostarda, frango na púcara, cozido à portuguesa, salsichas com couve lombarda e uma opção vegan. Tudo "embrulhado" num pão com um formato super original e tão inteligente que não é necessário fazer malabarismos para que possamos fazer a degustação sem que metade vá parar ao chão. Paguei €4,75 por uma merenda enorme e deliciosa de ovos mexidos com farinheira e um pacote de batatas fritas artesanais. Um preço justíssimo pela qualidade que faz pendant com a enorme simpatia dos funcionários. Eles vão estar nos dias 8, 9 e 10 de Julho no StrEATfest, nos Jardins de Belém. Passem por lá, experimentem e digam-me de vossa justiça. 

 

1 .jpg

3.jpg

4.jpg

2.jpg

Bifana.jpg

BacalhauEspiritual.jpg

Três Tipos Pão.png

Merenda 4 (1).jpg

Fotos: Merenda Portuguesa

Sushi na praia é na Ericeira

13511405_10208187713984537_645442596_n.jpg

Para os amantes de sushi e praia, poucas combinações haverá mais apelativas que esta. O bar/restaurante Na Onda fica mesmo na praia da Foz do Lizandro, na Ericeira, e é um dos melhores spots de Verão. O ambiente é muito descontraído e é isso que se pede num espaço à beira-mar plantado. Para começar vamos esclarecer que a decoração não é a de um restaurante típico japonês porque aqui, apesar do sushi ser protagonista, a ementa foi estruturada com outras opções para quem não é muito fã deste tipo de cozinha. Mais um ponto a favor quando em causa está a escolha de um restaurante que alia a boa mesa ao convívio! E isso não invalida, em nada, a qualidade das iguarias japonesas que lá são servidas. Pelo contrário!

E como se não bastasse a paz e a tranquilidade que aquele imenso areal e o mar ao fundo proporciona, somos sempre surpreendidos pela variedade de sushi e sashimi que compõe a ementa. É ponto assente que os olhos também comem e merece destaque o cuidado na apresentação, como se pode ver pelas imagens. Depois, e porque sem isso o resto depressa se torna irrelevante, um merecido elogio à frescura dos ingredientes, que é sempre respeitada com o máximo rigor. Por isso, se estão à procura de um sítio onde possam saborear um sushi mesmo ao pé da praia, aconselho vivamente que façam uma visita ao bar/restaurante Na Onda

 

13522463_10208187715664579_1762201924_n.jpg

13522638_10208187718344646_595345825_n.jpg

13530245_10208187719024663_1230431325_n.jpg

13530249_10208187718744656_801233699_n.jpg

13515246_10208187717624628_1252947740_n.jpg

13515412_10208187671223468_863468496_n.jpg

13521177_10208187715904585_1476742478_n.jpg

13521751_10208187713944536_1417162994_n.jpg

13514330_10208187716944611_1541956202_n.jpg

13514337_10208187718584652_1676670838_n.jpg

13514387_10208187670703455_126366340_n.jpg

 

 

13511461_10208187717344621_1473260069_n.jpg

13511504_10208187718264644_1918672723_n.jpg

13511588_10208187716904610_408268117_n.jpg

13514312_10208187714784557_1503424882_n.jpg

13510584_10208187714904560_1625591341_n.jpg

13511376_10208187719104665_1594192177_n (1).jpg

13511405_10208187713984537_645442596_n.jpg