Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Se a inês sabe disto

Um banho que nos desintoxica da rede wi-fi?

Digital_Detox_Bath_6-17-15_04_1024x1024.jpg

Parece que não restam dúvidas de que a exposição prolongada à rede wi-fi pode trazer complicações ao organismo. Foi a pensar nisso que a Pursoma, uma marca americana de produtos de beleza e bem-estar, criou um produto, que já circula há algum tempo no mercado e que é, no mínimo, curioso. Chama-se Digital Detox Bath e é para ser usado durante um banho de imersão. Combina sais marinhos com argila e faz com que o corpo transpire, ao mesmo tempo que desintoxica os poros. A marca anuncia que esta solução é infalível para quem se sente cansado, stressado e, principalmente, para quem sofreu uma exposição demasiado prolongada à rede wi-fi. Eu acrescento que este produto é também ideal para quem não se importa de gastar 30 euros em cada banho "milagroso". Pois é amigos...é esse o preço de cada pacote, que serve apenas para uma utilização. Até onde sei ainda não existe uma loja que o comercialize em Portugal, mas sempre temos a possibilidade de encomendá-lo através de alguns sites com os quais a marca tem parceria. Mais detalhes aqui

 

Pronto, já acredito em milagres...

DSC_0228.JPG

 

Sou, por norma, altamente céptica quando estou perante um produto que anuncia "milagres" em pouco tempo. Seja ele qual for. Porque já experimentei alguns e quase sempre considerei o investimento em vão. Mas quem me conhece sabe que se o meu cabelo não estiver sempre impecável ou lá perto, é meio caminho andado para o desassossego. E já há algum tempo que o sentia fraco, quebradiço e a ficar sem brilho. Experimentei mudar de champô e amaciador, testei umas ampolas de tratamento que comprei na farmácia, mas poucas alterações notei. Um dia decidi (finalmente!!!) comprar as famosas ampolas reparadoras 1 minuto da Pantene. Já tinha ouvido algumas opiniões sobre este produto, umas boas outras menos favoráveis, e longe de mim a intenção de acreditar que em apenas 1 minuto os danos de 6 meses no cabelo iriam ser reparados, como anunciam eles. Mas como já estava na fase de desespero...avancei! Não faço ideia se reparei os danos de 6 meses ou de 1 ano. Sei que, de facto, o meu cabelo recuperou totalmente em 2 meses de utilização. Na embalagem aconselham a aplicarmos este serum sempre que sentirmos o cabelo fragilizado ou uma semana depois de pintá-lo. Eu, exagerada que sou, tenho aplicado 2 vezes por semana. Porque o brilho que proporciona é realmente fantástico e sinto o cabelo muito mais forte e sedoso. Uma ampola serve perfeitamente para duas utilizações. Por isso, fica a dica!

 

Agora o verniz que promete milagres...

Um dia destes, no supermercado, vi um verniz que tinha estampado no rótulo a palavra "milagre". Menos céptica agora desde a experiência com as ampolas da Pantene, e tendo em conta que as minhas unhas parecem papel de tão finas e fracas que são, lá decidi embarcar na tentativa de mais um "milagre". A aplicação diária deste poduto, da marca Sally Hansen, promete unhas mais longas e fortes ao fim de 5 dias de utilização. Não estava assim tão confiante de que chegasse aos calcanhares de uma boa recuperação, quanto mais de um milagre. Mas ainda assim trouxe-o para casa. Apliquei todos os dias e, ao fim de uma semana, tenho de dar o braço a torçer: as unhas, que nunca foram fortes, estão realmente muito mais consistentes. Não notei nada de extraordinário no crescimento, embora tenham crescido, como é óbvio (mas isso acontece à maioria dos mortais). Funcionou comigo, não quer dizer que funcione convosco. Mas vale sempre a pena tentar...

DSC_0222.JPG

ampola pantene.jpg

 

 

 

 

Coisas que cabem no orçamento!

Isto de andar a aconselhar produtos de beleza caros e com embalagens todas xpto é bonito e eu gosto. Mas vamos cair na realidade! Não é qualquer orçamento que suporta um creme específico para o contorno dos olhos, feito à base de algas retiradas de um mar longínquo, ou um champô que custa tanto ou mais que a conta da luz. Digo eu que entro em euforia com qualquer novidade no mundo da cosmética, é certo! Mas é muito mais certo que, muitas vezes, tenhamos de recorrer a soluções mais em conta, e que nem por isso são menos eficazes. Há um mês comecei a testar alguns produtos com preços fit (a expressão é só porque está na moda), e aqui fica a minha opinião: Face: Há dois anos a Deco assegurou que o Creme de Dia Q10 (anti-rugas), da marca Cien (exclusivamente comercializada pelo Lidl), passou com distinção num teste de eficácia e qualidade. Finalmente fui ver se era verdade. Não sou muito disciplinada nos rituais de beleza mas, justiça seja feita, a minha pele é mista e notei uma redução da oleosidade nas partes mais críticas como o nariz, testa e queixo. Aconselho! Outra vantagem: É adequado a todos os tipos de pele e o preço ronda os €3,50. Desvantagem: As rugas não desapareceram num mês mas tenho fé de que o uso prolongado trará efeitos a esse nível. Corpo: Como se diz na gíria “este truque tem barbas”. Até podia ter o que ele quisesse mas este ritual já não troco por nada. Todos os dias, à noite, tomo um duche rápido e espalho óleo Johnson’s Baby no corpo. Deixo actuar uns dois minutos e passo por água. Uma embalagem de 500 ml custa cerca de €4,50 . Não tenho sentido grande necessidade de uma hidratação adicional mas, quando isso acontece, opto quase sempre pelos cremes da Nívea ou Vasenol cujo preço é também bastante acessível. Outra vantagem: Como todos sabem, é fácil encontrar em qualquer supermercado. Nota: Convém evitar que o cabelo entre em contacto com o óleo durante a hidratação no duche. Caso contrário o resultado vai ser verdadeiramente desanimador quando percebermos que o óleo não sai facilmente do cabelo. Cotovelos e pés: Estou a adorar a vaselina da Vasenol, aquela que anunciam como tendo dezenas de funções mas que eu, por agora, ainda só precisei de duas: cotovelos e calcanhares. Antes de dormir aplico nessas duas regiões, onde a pele tem maior tendência para ressecar, e a satisfação é total. Adquiri uma embalagem pequena no Continente, por pouco mais de um euro, e ela ainda dura! Dica: O formato da embalagem mais pequena é ideal para transportar na mala. Desvantagem: Devido à sua consistência deixa, naturalmente, marca na roupa. Por isso, se a utilizarmos antes de sair de casa, convém deixar que absorva durante alguns minutos. Cabelo: Não é que não me tenha dado lindamente com outros champôs de marcas mais dispendiosas, porque dei. Mas há uns tempos, numa fase em que notei alguma queda de cabelo, resolvi experimentar a gama Prevenção Queda da Panténe. Ao fim de duas semanas de utilização frequente a melhoria foi notável. Comprei o champô, condicionador e uma embalagem de cuidado intensivo fortificante por cerca de €12 (o conjunto dos três produtos). Na foto está também a Máscara Intensiva que tenciono experimentar em breve. Outra vantagem: A Panténe é uma marca com uma longa história de provas de qualidade reconhecidas. Dica: Se puderem experimentem as Ampolas de Reparação Panténe 1 minuto. Fiquei fã!

4.jpg

As coisas que aprendemos com a Gisele Bundchen!

E não é que a top mais top usa uma colher para enrolar as pestanas? E desenganem-se se pensam que Gisele Bundchen foi apanhada em flagrante! A manequim brasileira não só admitiu que o faz, como ainda explicou o passo-a-passo desta técnica. E, ao que pude apurar, a notícia não é propriamente fresquinha. Eu é que andava mesmo desactualizada! Ora anotem: 1- Escolham uma colher de preferência fininha e encaixem a parte côncava nas pestanas. 2- Pressionem com o dedo durante alguns minutos. 3- Soltem o dedo com precaução para não puxar as pestanas e eventualmente arrancar alguma.

gisele colher.jpg

Patrícia Teixeira

Edmundo Gonçalves

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens