Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Se a inês sabe disto

Procuram-se mulheres eco-empreendedoras

Post_CandidaturasTF.png

A Fundação Yves Rocher acaba de anunciar, pelo 9º ano consecutivo, a abertura das candidaturas para o prémio ‘Terre de Femmes’, em Portugal, cujo objectivo é premiar e distinguir mulheres portuguesas com projectos nas áreas do Aambiente e Ecologia. Podem conhecer o regulamento e formalizar a candidatura aqui

Os projectos serão avaliados por um júri independente de personalidades ligadas à área ambiental. E assim como em anos anteriores, será atribuído à vencedora um prémio monetário no valor de €10.000, com lugar a uma menção honrosa no valor de €3.000 para um segundo projecto. Com um historial de 17 anos de existência a nível global, este concurso realiza-se em 11 países – França, Alemanha, Suíça, Rússia, Marrocos, Portugal, Ucrânia, México, Turquia, Itália e Espanha -  e mantém o compromisso que em 2014 estabeleceu com a ONU: contribuir para a liderança e autodeterminação das mulheres.

Este galardão já distinguiu 375 mulheres em iniciativas espalhadas por mais de 50 países e só em Portugal já premiou 17 mulheres, com um valor total de €86.000. Recorde-se que a Fundação Yves Rocher atribuiu, até à data, prémios na ordem dos €1,8M. Entre projectos de reflorestação, preservação de ecossistemas e apoio a comunidades desfavorecidas, o projecto vencedor da 8ª edição, “Guardiãs do Mar”, tem demonstrado um grande impacto positivo para o estudo e protecção da vida marinha no estuário do Sado, envolvendo mulheres pescadoras na sua limpeza e preservação.

Com um cariz fortemente pedagógico e social, o projecto desafia pescadoras em situação de desemprego a tornarem-se guias marinhas em actividades educativas dirigidas ao público em geral e a estudantes, com iniciativas que facilitam o trabalho de investigadores e cientistas, através do seu conhecimento práctico. Este e outros projectos anteriores podem ser conhecidos no canal YouTube da Fundação Yves Rocher.