Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Se a inês sabe disto

Se o Tony Carreira fosse o único a plagiar...

 

 

toni.jpg

Isto do Ministério Público se ter lembrado agora de processar o Tony Carreira por plágio (e fazer disso um alarido daqueles que se ouve na China), não sei se me dá para rir ou simplesmente para considerar só estúpido. É que, meus senhores, para começar surpreende-me bastante o facto de só agora terem descoberto a "pólvora". O Google, por exemplo, há vários anos que divulga a lista discriminada dos plágios e respectivos autores. E se fosse só o Tony estávamos nós bem! Neste blog, por exemplo, há mais de um ano publiquei o texto que se segue...

Sinceramente, os plagiadores que se entendam com o Ministério Público. Quanto a mim, continuo a achar o Tony o maior. Que pague o que tem a pagar, se tiver de fazê-lo, mas que não deixe Portugal e o mundo sem os seus "Sonhos de Menino". 

"Foi esta a minha reacção quando ouvi, pela primeira vez, há uns anos, o tema "Joana", na voz do cantor alemão Peter Wackel. Estava a passar férias numa estância de ski, em Engelberg (Suíça), e embora não fosse novidade que parte dos grandes êxitos do Marco Paulo são versões de outros cantores (um facto assumido pelo próprio), confesso que não consegui evitar aquela euforia de quem parece que descobriu a pólvora. No mesmo dia, bastou uma rápida pesquisa na internet para ficar a saber que, afinal de contas, não existe só a Joana do Marco e a Joana do Peter. A versão original deste tema foi lançada em 1985 pela voz de Roland Kaiser. E para o caso de nunca terem ouvido nenhuma das versões, aqui estão elas:

Peter Wackel (2008)

Roland Kaiser (1985)

10 comentários

Comentar post