Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Se a inês sabe disto

Coisas da estupidez alheia!

ke.jpg

 

E é assim que uma marca, com mais de um século de história, se vê envolvida num escândalo a nível mundial. O vídeo foi gravado em 2004, na fábrica da Kellog's, em Memphis, no Tenessee, por um funcionário da marca de cereais. O senhor decidiu urinar para a linha de produção onde, naquele momento, estava a ser produzida a linha "Rice Krispies". Agora, doze anos depois, lembrou-se de divulgar o vídeo no Youtube. Mas porquê só agora? Pergunto eu! Não o deixaram sair mais cedo para almoçar e ele vingou-se? De vez em quando lá vem um engraçadinho que se lembra de fazer estas coisas. Não percebo a intenção. Provar que o controle de qualidade da marca é falível? Que se lhe tivesse apetecido cuspir todos os dias para os cereais, o poderia ter feito? Ou será que o fez? Porque naturalmente se levanta agora essa questão. Eu continuo a achar que, tão importante quanto a obrigatoriedade de existir um controle máximo, quando se trata da produção de alimentos, existe uma característica fundamental no ser humano, vulgarmente designada de "vergonha na cara", com a qual todos devíamos nascer. As marcas confiam nas pessoas que contratam para trabalhar e atribuem-lhes responsabilidades. As pessoas que são contratadas só têm de cumprir a função. Se estão descontentes, existem sindicatos e outras formas igualmente higiénicas de resolver a questão. 

A investigação criminal deste caso já está a decorrer e a Kellog's também já se manifestou publicamente: "Estamos chocados e profundamente desapontados com este vídeo", afirmou um representante da marca. Pois, pudera! Fica o vídeo que tanto se comenta: